terça-feira, 27 de novembro de 2012

COISA NOSSA


Acabei de chegar em casa, depois de assistir um show do Bocato, num Parque bem próximo a minha casa. É sempre prazeroso ver esse legítimo filho de São Bernardo em ação, ainda mais assim, na sua "quebrada".

Itacyr Bocato Júnior, nascido em 30 de novembro de 1960, é talvez o mais talentoso trombonista brasileiro de todos os tempos. Iniciou seus estudos na banda da Escola Municipal Baeta Neves, aos 7 anos de idade. Passou pela Fundação das Artes de São Caetano, pelo Instituto de Música do Planalto e pela Unesp, onde estudou composição e regência.

Já tocou com músicos como Arrigo Barnabé, Itamar Assunção, Elis Regina, Ney Matogrosso, Rita Lee e Roberto Carlos, dentre outros. Gravou vários discos, fumou incontáveis maços de cigarro e levou sua música para diversas partes do globo, inclusive para o renomado Festival de Montreaux, em 1999.

Um jazzista que faça jus ao título tem que possuir causos e lendas na sua trajetória, e Bocato possui um bocado, com perdão do trocadilho. Daria um belo livro, e se ninguém arregaçar as mangas e abraçar essa missão, eu teria prazer em me candidatar a esse cargo.

Cambaleante e bem humorado, desleixado (com suas roupas e modos) e rigoroso (com a qualidade de sua música), folclórico e viajado, Bocato segue construindo sua história, que certamente o levará ao status de lenda. Tomara que possa colher os frutos disso em vida. Tomara.

Como diria o Fred 04: Dá-lhe Bocato!


[texto originalmente publicado em /o_livro, no dia 18 de maio de 2008]

...

Um comentário:

Andarilhos do Underground: ZINAI-VOS!!!